Vitrine_Post_Bojack

BoJackHorseman é uma animação recheada de humor negro, sarcasmo, autodepreciação, dorgas, palavrões, sexo, nonsense… Ou seja, TUDO QUE EU AMO NUMA SÉRIE DE COMÉDIA!

Fala galera que ama animações renegadas, de buenas?

BoJack Horseman é a primeira animação da Netflix e é totalmente voltada para o público adulto. E vou te dizer caras: que comédia nonsense sensacional!

Acho que já deu pra perceber que eu gosto de comédias com suaves – ou não – tons de escrotice. Esse tipo de vertente dentro desse gênero tão grande é o que mais me faz gargalhar. E BoJack Horseman faz isso com muita competência!

A série conta a história de BoJack Horseman, um cavalo falido que teve seus tempos áureos quando foi protagonista de uma sitcom extremamente famosa dos anos 1990 chamada Horsin’ Around. Vivendo de memórias de um passado maravilhoso e frustrado com um presente de ex-estrela e decadente, BoJack passa seus dias relembrando sua juventude de bastidores da TV, assistindo os episódios da série que o consagrou repetidas vezes, se embebedando – e otras cositas más – como se não houvesse amanhã e indo para a cama com sua ex-namorada e atual agente, a gata Princess Carolyn (adoro esse nome! Nome de felina mesmo, né?!), entre tantas outras. BoJack não se importa com as consequências do que faz.

Bojack 1

No entanto, na contínua tentativa de volta aos holofotes, BoJack tem então uma ideia que pode tirá-lo do ostracismo: escrever uma autobiografia! Afinal de contas, quantos artistas voltaram a aparecer em programas de TV e derivados, após contar as dificuldades que a vida encontra por causa da fama que se mostra mais problemática do que vantajosa?

Pois é, mas BoJack nunca sequer escreveu uma linha sobre sua tão bem-aventurada – SQN – vida. Como eu disse acima, o cara vive do passado, regado a infinitas cervejas e robes sujos. Então em todo esse reino de preguiça e sedentarismo – e muitas cobranças da editora (simbolizada por Pinguins… Sensacional) –, Princess Carolyn contrata uma escritora de biografias (das mais bizarras, diga-se de passagem) para que ela transcreva as memórias de BoJack e seu nome é Diane Nguyen.

Bojack 2

Daí se forma então todo o plot da primeira temporada. BoJack, mesmo relutante, enxerga essa como a única forma de sua autobiografia acontecer; Diane tem que encontrar algo interessante nessa vida de merda de um cavalo decadente; além de sermos apresentados às situações mais absurdas, escrotas e hilárias!

Por ser voltada exclusivamente para o público adulto, The Simpsons, Family Guy e derivados são “programas da família brasileira” perto de BoJack Horseman. A animação da Netflix – Deus abençoe o streaming! – não economiza no humor negro, nas piadas que exploram a miséria humana e nas situações recheadas de nonsense. Palavrões fazem parte do roteiro e interagem na dinâmica dos episódios. Atitudes que, se fossem feitas por pessoas de carne e osso nos chocariam, são amenizadas por serem feitas por personagens animados. Claro que isso não é nada original, já que existem muitas animações por aí que fazem a mesma coisa, mas BoJack Horseman faz um trabalho bem feito e muito coeso na primeira temporada. Esse tipo de comédia não poderia ser feito de outra forma, que não fosse a animação!

Uma das coisas mais legais da série, além de tudo que eu já citei, é que os personagens que interagem entre si são humanos e animais meio humanoides. O universo apresentado mostra que humanos se relacionam, inclusive sexualmente, com os animais, que vivem como pessoas normais. Ou seja, falam, andam em duas patas, comem, bebem, têm seus dilemas morais e pessoais, tal qual os seres humanos da série. O interessante é que esses personagens não se distinguem entre si. Humano é macaco, macaco é humano, gata é agente, humana namora cachorro… Toda essa salada absurda funciona perfeitamente no ambiente sem noção de BoJack Horseman.

Bojack 4

Mas vale um adendo: os animais, em alguns momentos, tem reações próprias de animais como, por exemplo, em um momento BoJack relincha durante o ápice de sexual com uma humana ou quando Princess Carolyn toma banho se lambendo enquanto fala ao telefone.

O elenco coadjuvante merece um destaque especial. Como as já citadas Princess Carolyn e Diane, temos também Todd, um junkie preguiçoso e folgado que sem empreende nos negócios mais idiotas possíveis e o Mr. Peanutbutter, o cachorro namorado de Diane que é quase tão falido quanto BoJack, mas tem uma vida um pouco mais movimentada do que o cavalo e ainda acha que é muito famoso… Por mais que não seja!

Bojack 5

E para fechar, não posso deixar de citar as vozes que dublam e casam perfeitamente com esses personagens. Will Arnett faz um BoJack cheio de nuances psicológicas e sentimentais, mas totalmente canastrão e carismático; a interpretação de Aaron Paul para o Todd nos lembra os primeiros anos do Jesse Pinkman junkie em Breaking Bad, mas em uma versão ainda mais piorada; a fofa da Alison Brie traz uma doçura e uma melancolia que nos instigam a descobrir mais sobre Diane; Amy Sedaris faz de Princess Carolyn a melhor e mais FDP de todos os personagens e Paul F. Tompkins é um Mr. Peanutbutter bobão, mas que tem aquele charme de “me abrace e me leve para casa agora” que todo cachorro tem.

Bojack 3

Os primeiros dois, três episódios de BoJack Horseman são aqueles pelos quais qualquer nova comédia passa: vemos a série tentando encontrar seu tom, seu timing de piadas e sua identidade. Mas depois dessa fase, podemos ver uma animação adulta cheia de estereótipos, mas que os conta em uma originalidade bacana de acompanhar. E caras, por ser Netflix, todos os episódios da primeira temporada estão lá para nos deleitarmos e termos uma overdose do universo nonsense de BoJack Horseman. Ah, a segunda temporada já está garantida! \o/

BoJack Horseman é um tipo de série que dá na sua cara, mas te faz rir disso. É uma completa sátira ao mundo da TV, dos 15 minutos de fama, dos reality shows totalmente dispensáveis, dos valores questionáveis e do sucesso que pode sim ser uma merda dependendo do ponto de vista. Enquanto uns preferem ver animais n’A Fazenda, eu prefiro vê-los na telinha da Netflix. Muito melhor, né?!

assrobs

  • Beatriz Candido

    Bem sua cara, Robs kkkkkkk muito bem escrito, me deu uma super vontade de assistir o/

  • Cido

    MELHOR DESENHO NONSENSE….O/