vitrinepost1

“You know us billionaire vigilantes – we do love our toys” – Oliver Queen

Faaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaala renegados, seus lindos! Beleza?

“Por que tão feliz, Bea?”

– Leitor da Season Premiere que ficou assustado com o número de ‘A’s em “Fala”.

Ah meus amigos, isso é amor! Amor por uma tal série aí que eu assisti essa semana (aff bea para de enrolar).

SINOPSE

Arrow é baseado nos personagens da nossa querida DC Comics e conta a história de Oliver Queen, um playboy fdp que naufraga e acaba preso em uma ilha por cinco anos até que consegue voltar para a casa. Ele ainda deve manter sua imagem de riquinho babaca, mas por trás ele tem uma razão – trazer justiça para a cidade que seu pai ajudou a destruir. E para isso ele deve ser outra pessoa (sim, eu peguei essa frase do previously, me processem).

AI AI MEU CORASSAUM

Primeiro eu quero declarar mais uma vez e para sempre meu amor por Arrow. A série foi muito bem construída ao redor dos personagens que a maioria de nós já conhecemos.

Resumindo: o Oliver traiu a namorada dele com a irmã dela; levou a irmã para o barco da família dele; o barco afundou, a irmã morreu; ele, o pai dele e mais um figurante sobreviveram no bote salva vidas. Por alguma razão que você só vai descobrir no fim do Piloto, porque eu não quero estragar a sensação de surpresa, só o Oliver chega numa ilha chamada Lian Yu (purgatório em chinês). Pegou o drama?

O personagem do Ollie (Oliver para quem não é íntimo) começa bem babaca, mas depois da ilha, ele volta completamente diferente. Claro que ele volta 100% mais badass, mas eu gosto do fato que ele também volta com traumas daquele lugar infernal. Os flashbacks ao longo da série são a característica mais legal, porque você começa a entender a razão desses traumas (que não são poucos e nem sem motivos) que o Oliver tem que lidar enquanto ele se veste de Hood (apelido carinhoso da polícia para o vigilante mascarado que mata ricaços) para salvar a cidade.

Esses ricaços que eu acabei de citar têm seus nomes num caderno que Oliver recebeu do seu pai. E é claro que, como todo caderninho com vários nomes de pessoas fdp, é tudo parte de um esquema maior que vamos descobrindo ao longo dos episódios.

Enquanto ele faz tudo isso, ainda tem que esconder sua segunda identidade da sua família e amigos, com o intuito de protege-los. Já no piloto, você conhece a maioria dos personagens que serão aprofundados no resto da série, como Moira e Thea Queen, John Diggle, Laurel e Quentin Lance, Walter Steele, Tommy Merlyn, etc etc…

E gente, desculpa quem não gosta né, mas eu preciso fazer isso:

6a0120a95a88d5970b01a3fb095441970b-800wi

Ai ai essas cenas… ><

Arrow é transmitida aqui no Brasil pela Warner e estará de volta com sua terceira temporada dia 08/10 (tá chegando, gente <3). E junto com ela (mais especificamente dia 07/10), chega a primeira temporada de Flash que teve o assunto do seu piloto introduzido no episódio 8 da segunda temporada. Então, corram para acompanhar! Assim como eu fiz o/

ADENDO IMPORTANTÃO

Não. Não é para ser igual os quadrinhos.

O background, os personagens não são os mesmos dos quadrinhos. Por isso nos créditos no início do episódio dizem:

BASED ON THE CHARACTERS OF DC COMICS

*perceberam como ele diz “characters” e não “comics”?*

  • Mike

    Eu tinha muito preconceito com essa série.. até a Barbara Manjko me convencer a assisti-lo. E PUTA QUE PARIU.. me surpreendeu.

    Realmente é muito foda… agora to esperando Flash que promete tb!

  • Digão

    Da hora, Bea!! 🙂

    Comecei também com um preconceito, achando q ia ser o maior lixo, mas aí depois me falaram algumas coisas q me convenceram a ver. E eu não me arrependi não!

    Não acho ela SENSACIONAL, FODABAGARAI… Mas é legal! Consigo assistir sem reclamar. rsrs

    Agora vem vindo aí Flash, e tenho minhas dúvidas se vai ser na mesma pegada. Acho que não! rsrs

  • Beatriz Candido

    Digão, shiu. É foda bagarai OIHSDOIDHISOHDIOSHD 😀

  • Bea não surte com o corpinho do Oliver, secssus, muitos secssus